Artigo sobre: Dúvidas Comuns

Conheça os tipos de insulina para tratamento de diabetes

Insulina é um hormônio produzido pelo pâncreas e liberado na corrente sanguínea com o objetivo de ajudar a glicose a entrar em todas as células do organismo, fornecendo energia para que elas compram suas funções.

Quem sofre de diabetes mellitus pode apresentar dois problemas:

  • A insulina é produzida em quantidade insuficiente;
  • O pâncreas simplesmente não produz insulina nenhuma, ou ela é defeituosa.

Nos dois casos, pode ser necessário receber por uma via externa a insulina que o organismo não consegue produzir. É aí que entra a insulina injetável.

Tipos de insulina

Há vários tipos de insulina disponíveis no mercado brasileiro, todas de boa qualidade. Quem vai definir qual deles mais se adapta ao seu caso é o seu médico.

A classificação é feita de acordo com a velocidade de ação no organismo, assim temos:

  • Insulina regular ou de ação rápida: começa a agir em 30 minutos e os resultados duram cerca de 8 horas.
  • Insulina de ação ultrarrápida: agem logo após a refeição e costumam ser associadas com as de ação longa.
  • Insulina de ação intermediária: supre as necessidades do organismo por uma noite ou metade do dia e costumam ser associados com as de ação rápida ou ultra-rápida.
  • Insulina de ação longa: seus efeitos duram um dia inteiro.
  • Insulina pré-misturada: são combinações de insulinas com tempo de duração diferente (geralmente associação entre uma rápida ou ultra rápida e uma lenta).
  • Análogos de insulina: são obtidas através de modificações genéticas no DNA da molécula de insulina, e apresentam ao mesmo tempo ação rápida e prolongada. Esses compostos mantém liberação constante do hormônio no organismo por até 24 horas com uma única aplicação.

Insulina em cápsulas e inalável: o fim das injeções

A apresentação mais comum para a insulina é a forma injetável, mas parece que finalmente as injeções diárias estão com os dias contados.

Em fevereiro de 2015, o laboratório Sanofi lançou nos Estados Unidos a insulina inalável, que promete agir mais rapidamente no organismo e eliminar o inconveniente das injeções. A insulina em pó é aspirada com a ajuda de um inalador portátil fácil de usar e de transportar. De acordo com o site da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, a nova insulina já foi aprovada pela ANVISA e deve começar a ser vendida no Brasil ainda este ano.

Já a insulina oral em cápsulas está em fase de testes. As cápsulas usam um gel que impede sua destruição pelo suco gástrico, sendo absorvidas apenas ao chegar no duodeno. Com certeza, é mais uma ótima promessa para modernizar o tratamento da diabetes.



Sobre Aprenda a Controlar os Diabetes

Olá! Bem-vindo ao site Controlar os Diabetes, tenho estudado esta área da saúde estes últimos 5 anos da minha vida. Tenho família que sofre de diabetes e por isso comecei a pesquisar métodos e dicas a seguir para os evitar e/ou manter controlados, durante essas pesquisas aprendi muita coisa útil que foram úteis a diabéticos de todos os tipos, e o meu objetivo com o www.controlarosdiabetes.com é passar-vos todas essas dicas.


Comentários

Siga-nos
Publicidade
Obrigado pela sua visita! Gostou de ler os artigos?
Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!
O seu email está seguro, nunca enviamos SPAM.